Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

FUGAS DO MEU TINTEIRO

Imagens e palavras de um mundo onde há menos gente

FUGAS DO MEU TINTEIRO

Imagens e palavras de um mundo onde há menos gente

O compincha de Pirot

João-Afonso Machado, 18.09.21

IMG_5004.JPG

Mal tirei as medidas a essa cidade, ou cidadezita, não sei. Tinhamos ponto de encontro marcado com os amigos sérvios que nos conduziriam à aldeia na montanha, e um nico de tempo para gozar o animadíssimo mercado.

Tudo eram vegetais aparentando o melhor pedigree. Fruta, hortaliça, flores... E uma ensurdecedora algaraviada, algo deslustrando essa amena tarde de Piotr.

À passagem por um guarda-sol, reparei, nele se albergavam duas mulherzinhas e o seu negócio, pimentos e malaguetas, mais um punhado de garridas cores. Logo lhes pedi autorização para uma fotografia - dado o bonito cenário, entenda-se, não propriamente os seus sombrios semblantes.

Que não, abanaram a cabeça. Aquilo, com uns dinars a empurrar, chegava lá rápido. Mas optei por prosseguir e assentar num banco, observando e escrevinhando os meus apontamentos.

Num instante se abeirou um colosso de farto bigode, eu juraria que me perguntou se era português. À cautela fui respondendo sim, ocorrendo-me talvez tivesse andado por cá, trazido na vaga de migrantes de Leste em busca de sobrevivência, umas décadas atrás. E, com um sorriso de orelha a orelha, demonstrou querer ajudar-me. Gesticulando muito, colocou-se ao lado do arraial das vendedeiras - e, enquanto pedia para ele uma fotografia, lançava esgares, piscava o olho e fazia trejeitos com o queixo na direcção delas. Entendi... Apontei a máquina. Fiz-lhe sinal cúmplice, alcançara o objectivo. E ele sempre galhofeiro, num inglês bastante arranhado, inquiriu - Are you an artist?

Se eu era um artista? Porque não? É, sou um artista, um artista português com palco algures em qualquer banda. Serei, talvez, um artista da "cassete pirata". Mas muito obrigado pela sua dedicação à arte, anónimo amigo sérvio desse instante! Assim o Destino me leve de novo ao mercado de Pirot, e havemos de nos reencontrar para uma cerveja, paga este afamado artista.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.