Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

FUGAS DO MEU TINTEIRO

Imagens e palavras de um mundo onde há menos gente

FUGAS DO MEU TINTEIRO

Imagens e palavras de um mundo onde há menos gente

"Soneto a Kalina"

João-Afonso Machado, 11.09.21

IMG_3776.JPG

Onde te descobri, perfil de outrora

Jamais esquecido, sei-o de cor,

Onde lembrei anos de mundo maior

Afinal pequeno, que o grande é fora.

 

Esse nariz, o olhar, pedra de agora,

O corpo, a túnica, tudo uma flor,

E o canto, a fala, mais outro amor

Apelando – vamos, vamos embora…

 

Kalina, Kali te chamam os teus,

Vieste de longe, tempo trirreme,

Por esses sacros mares de Zeus

 

Como alva vestal que jamais treme,

Kali, acima nós hoje vera fada

Dos nómadas, e a mim, Kali, – nada!

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.